gustavo1

Na última manhã do 14º SBPJor, a sessão de comunicação coordenada temática Critérios de noticiabilidade jornalística, discutiu os processos e ambientes da produção da notícia e reflexões metodológicas sobre critérios de análise de noticiabilidade.

Thais Mendonça Jorge analisou as primeiras páginas dos Jornais On-line O Globo e Folha de São Paulo de julho deste ano. A pesquisadora aponta a fluidez dos critérios de noticiabilidade e reforça a presença ideológica de forma implícita nas matérias, demonstrando que a notícia não espelha a realidade, mas ajuda a constitui-la como fenômeno social compartilhado.

Lia Seixas, coordenadora da mesa, refletiu sobre as bases da sistematização de critérios de noticiabilidade e analisou a relação do valor humano e o valor notícia. Por sua vez, o professor Marcos Paulo da Silva, discutiu sobre a concepção de noticiabilidade nas redações e a midiatização da vida cotidiana. Ele concluiu que a forma de conceber o que é noticiável para os jornalistas está diretamente ligada à lógica do cotidiano, que estaria “calcada na temporalidade e constituiria uma forma de conhecimento partilhado”. Assim, o jornalista procura o noticiável no que destoa dessa lógica.

Texto: Gustavo Neves

Foto: Douglas Heinzen

Deixe uma resposta